Sem sinais de rejeição do novo coração, Faustão deixa UTI | A TARDE
Atarde > Brasil

Sem sinais de rejeição do novo coração, Faustão deixa UTI

Apresentador foi transferido para o quarto do Hospital Albert Einstein, nesta sexta-feira

Publicado sexta-feira, 08 de setembro de 2023 às 17:50 h | Autor: Da Redação
Faustão não apresentou sinais de rejeição após transplante de coração
Faustão não apresentou sinais de rejeição após transplante de coração -

O apresentador Faustão não apresentou sinais de rejeição após transplante de coração, realizado no dia 27 de janeiro. Segundo boletim médico divulgado pelo Hospital Albert Einstein, ele deixou a UTI nesta sexta-feira, 8.

“O paciente Fausto Silva apresenta boa recuperação após a realização de transplante de coração no dia 27 de agosto, no Hospital Israelita Albert Einstein. Permanece com função cardíaca normal e sem evidências de rejeição do órgão”, disse o documento.

Faustão foi transferido para o apartamento e seguirá em processo de reabilitação nos próximos dias. A nota foi assinada pelos médicos Fernando Bacal, Fábio Antônio Gaiotto e Miguel Cendoroglo Neto.

Transplante de coração

A Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo divulgou, por meio de nota, que a doação do coração que possibilitou o transplante do apresentador aconteceu depois que o órgão foi recusado pelo paciente que estava em primeiro lugar na lista de prioridades. Com isso, o Albert Einstein recebeu o coração para a realização do procedimento. 

Após o transplante, Faustão divulgou um vídeo nas redes sociais, onde falou que o procedimento foi um sucesso e aproveitou para agradecer pelo novo coração. 

Se dirigindo ao pai do doador,  identificado por Faustão como José Pereira da Silva, o comunicador se disse “eternamente grato” pela oportunidade de “viver de novo”.

“[O José] teve uma grandiosidade incrível e generosidade absurda e proporcionou que eu continuasse vivo. Eternamente grato ao José Pereira da Silva. Um homem simples. Eu fico emocionado, porque ele deixou que eu vivesse de novo”, falou. 

Publicações relacionadas

MAIS LIDAS