'Linha Direta': STF libera exibição de episódio sobre caso Henry Borel | A TARDE
Atarde > Cultura > Televisão

'Linha Direta': STF libera exibição de episódio sobre caso Henry Borel

Programa vai ao ar nesta quinta-feira, 18, após Globo recorrer da liminar obtida pela defesa de Jairinho

Publicado quinta-feira, 18 de maio de 2023 às 10:52 h | Autor: Da Redação

O episódio sobre a morte do garoto Henry Borel, de 4 anos, será exibido no "Linha Direta" desta quinta-feira, 18, na Globo. A exibição acontece após decisão do ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), na noite de quarta-feira, 17. As informações foram divulgadas pela colunista Patrícia Kogut, do jornal O Globo.

A emissora entrou com recurso contra a liminar obtida pela defesa de Jairo Souza Santos Júnior, o Jairinho, para impedir que o programa fosse apresentado. Ele é acusado de ter assassinado o menino, que era seu enteado, em 2021. Já Monique Alves, mãe de Henry, é apontada como cúmplice. O garoto foi morto no apartamento onde morava com o casal.

Segundo a decisão do STF, a defesa do acusado teve "o claro propósito de censurar a exibição da matéria jornalística de evidente interesse público". O ministro ainda se refere assim à decisão da véspera, da juíza Elizabeth Machado Louro, do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro: "A eminente magistrada extrapola os limites de suas funções judicantes para se arvorar à condição de fiscal da qualidade da produção jornalística de emissoras de televisão".

>>> Leia mais: Pai de Henry Borel diz que defesa de Jairinho "tem medo da verdade"

O programa ouviu todos os advogados envolvidos. Entre eles estão o promotor Fábio Vieira e Cláudio Dalledone, responsável pela defesa de Jairinho. O pai de Henry, Leniel Borel, participará do episódio e será recebido no estúdio. O caso não está em segredo de Justiça e as audiências são transmitidas ao vivo pelo canal do Tribunal de Justiça do Rio. Os acusados vão à júri popular, mas ainda não há previsão de data.

Publicações relacionadas

MAIS LIDAS