Vacas da CowParade vão a leilão em prol de projetos sociais

Publicado quarta-feira, 20 de novembro de 2019 às 18:23 h | Atualizado em 21/01/2021, 00:00 | Autor: Da Redação

Nesta quinta-feira, 21, as 60 vacas da 13ª edição da CowParade Brasil poderão ser arrematadas na ação final do evento em Salvador. O leilão beneficente, que encerra a mostra na Bahia, acontece às 20h, no Cerimonial Rainha Leonor – Pupileira, em Nazaré. O dinheiro arrecado beneficiará as Obras Sociais Irmã Dulce (OSID), o Hospital da Criança Martagão Gesteira e as Associações Fábrica Cultural e Pracatum. Assinadas por diversos artistas baianos, as esculturas têm lance inicial de R$ 6 mil e já estão sendo disputadas por meio do site cowparade.com.br.

Maior exposição a céu aberto do mundo, a CowParade levou seu rebanho às ruas da capital baiana entre os dias 8 de outubro e 9 novembro, colorindo a cidade e chamando a atenção do público soteropolitano. Entre os artistas que assinam as vacas estão Bel Borba, Maria Adair, Denissena, Alberto Pitta, Eder Muniz, Graça Ramos, Menelaw Sete, Carlinhos Brown, que apadrinha o projeto ao lado de Margareth Menezes.

O leilão beneficente acontecerá de forma simultânea pela internet, com lances ao vivo, e presencialmente durante o evento em Salvador. A ação marca o fechamento da 13ª edição da CowParade Brasil, projeto que contou com cinco meses de atividades entre chegada na cidade, seleção dos artistas, ateliê criativo, mostra nas ruas e, agora, leilão. “O público de Salvador abraçou e acolheu as vaquinhas da CowParade de uma maneira bem carinhosa. Salvador é uma cidade que respira arte. Esperamos que o leilão seja um sucesso como nas outras edições. Já arrecadamos e doamos mais de seis milhões de reais nas 12 edições feitas em várias capitais do país”, resume Catherine Duvignau, sócia-diretora da Toptrends, empresa organizadora da exposição no Brasil.

Entre as vacas que já receberam lances pela internet estão as assinadas pelos artistas Roney George, Leo Furtado, Menelaw Sete, Lucas de Ouro, Pedrinho da Rocha, Ruy Carvalho e a obra de Jair Gabriel, artista convidado pela madrinha do projeto na Bahia, Margareth Menezes.

No Brasil, o projeto já arrecadou e doou mais de R$ 6 milhões para ações sociais. Ao redor do mundo, mais de 10 mil artistas já participaram da CowParade e estima-se que mais de 500 milhões de pessoas tenham visto uma das esculturas. No total, mais de US$ 35 milhões foram levantados para entidades beneficentes através do leilão das peças.

Publicações relacionadas