Jobson será julgado em outubro por estupro e pornografia adolescente

Audiência acontece após seis anos das acusações

Publicado terça-feira, 19 de julho de 2022 às 20:18 h | Atualizado em 19/07/2022, 20:18 | Autor: Da Redação
Crimes de estupro e pornografia tem pena prevista em lei de até 21 anos
Crimes de estupro e pornografia tem pena prevista em lei de até 21 anos -

O jogador de futebol Jobson, ex-Bahia, Botafogo e outros clubes, será julgado em outubro pelas acusações de estupro de vulnerável e divulgação de pornografia adolescente. A audiência deve acontecer no dia 27, na comarca de Colinas do Tocantins. A decisão da Justiça ocorrerá após seis anos das acusações.

Jobson e dois amigos são suspeitos de estuprarem duas adolescentes, de 13 e 14 anos, em uma chácara, em 2016. Na época, uma das vítimas procurou a polícia depois que uma foto dela foi direcionado a um grupo de troca de mensagens. O julgamento do jogador chegou a ser marcado em 2020, mas a audiência foi suspensa por causa da pandemia.

Jobson nega todas as acusações, e seu advogado Josenildo Ferreira da Silva alega que as vítimas nunca foram ouvidas em juízo e acredita na absolvição do cliente. Crimes de estupro e pornografia tem pena prevista em lei de até 21 anos.

Publicações relacionadas