Jerônimo confirma negociação com BYD para retomar fábrica da Ford | A TARDE
Atarde > Política

Jerônimo confirma negociação com BYD para retomar fábrica da Ford

Lula negocia com investidores chineses a utilização do espaço no complexo industrial para a produção de carros

Publicado segunda-feira, 27 de fevereiro de 2023 às 10:29 h | Atualizado em 27/02/2023, 10:40 | Autor: Da Redação
Lula e Jeronimo
Lula e Jeronimo -

O governador da Bahia, Jerônimo Rodrigues (PT), confirmou que o governo Lula (PT) negocia a retomada das atividades da antiga fábrica da Ford, em Camaçari, na Bahia. A medida é estudada para o reaquecimento da economia baiana. 

"Vem aí a retomada do desenvolvimento industrial do nosso Nordeste! O governo Lula negocia a instalação da montadora chinesa BYD, onde funcionava a antiga fábrica da Ford, em Camaçari. Lula vai visitar a China e dialogar sobre a instalação. Estamos na torcida!", escreveu Jerônimo em publicação na sua conta oficial do Twitter. 

O presidente Lula negocia com investidores chineses a utilização do espaço no complexo industrial para a produção de carros elétricos. Por este motivo, além de outras tratativas no âmbito econômico, o petista ainda acelerou os preparativos para a visita à China, que está prevista para março. A negociação ainda envolve o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, que viaja com a delegação do país.

Desde o ano passado, rumores apontavam que a montadora chinesa BYD, uma das líderes mundiais na fabricação de carros elétricos, estava interessada na unidade baiana. 

Outro que confirmou a negociação foi o ministro do Trabalho, Luiz Marinho. “O governo Lula negocia a retomada da Ford na Bahia, com isto, reaquecendo importantes polos industriais do Nordeste”, disse Luiz Marinho, em  publicação nas redes sociais. 

Segundo o secretário de Relações Institucionais do Estado, Luiz Caetano, as negociações para que a fábrica chinesa de veículos elétricos e baterias BYD ocupe a área em Camaçari estão avançadas. 

“Nós adiantamos muito esse acordo, e agora o governador Jerônimo já nos primeiros dias colocou esta pauta como uma das principais do seu mandato. As conversações estão avançando e as últimas questões estão sendo analisadas”, disse o secretário.

Após 20 anos de atividades no estado, a Ford anunciou o encerramento das atividades de produção na localidade em janeiro de 2021, causando a perda de 4,8 mil empregos com carteira assinada.

Publicações relacionadas