adblock ativo

Indiciado pela CPI, Braga Netto diz que inclusão na lista é "um grande equívoco"

Publicado às | Atualizado em 27/10/2021, 15:11 | Autor: Da Redação
FDurante o tempo que esteve na Casa Civil, Braga Netto atuou no setor de articulação das ações de enfrentamento à doença I oto: Marcello Camargo I Agência Brasil
FDurante o tempo que esteve na Casa Civil, Braga Netto atuou no setor de articulação das ações de enfrentamento à doença I oto: Marcello Camargo I Agência Brasil -
adblock ativo

Um dos responsáveis por comandar o Comitê de Crise para Supervisão e Monitoramento dos Impactos da Covid, o general Walter Braga Netto não gostou de ver o seu nome na lista de indiciados no relatório da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI).

Peça central nas decisões do governo no combate à pandemia, o militar garante que irá provar com documentos que a inclusão é um "grande equívoco".

"Isso tudo já está documentado, quando for requerido nós temos toda documentação para mostrarmos que aquilo ali é um grande equívoco, que aquilo ali não está correto", alega.

Durante o tempo que esteve na Casa Civil, Braga Netto atuou no setor de articulação das ações de enfrentamento à doença. Ele foi indiciado no relatório final por epidemia com resultado morte.

O procurador-geral da República, Augusto Aras, recebeu nesta terça-feira, 26, em mãos, o relatório final elaborado pelo relator da CPI, Renan Calheiros (MDB), e prometeu adotar providências.

adblock ativo

Publicações relacionadas