Randolfe diz que CPI da Covid está pronta para tomar depoimento de Bolsonaro

Publicado terça-feira, 07 de setembro de 2021 às 18:35 h | Atualizado em 07/09/2021, 18:39 | Autor: Da Redação

Após os discursos do presidente Jair Bolsonaro, sem partido, nas manifestações em Brasília e São Paulo nesta terça-feira, 07, o senador e vice-presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da COVID, Randolfe Rodrigues (Rede-AP), afirmou que articula com outros parlamentares para ir à reunião do Conselho da República.

Ele disse que, após tomar conhecimento do desejo do presidente em realizar a convocação, sugeriu que sejam indicados o senador Omar Aziz, presidente da CPI da Covid, e ele mesmo, Randolfe, vice presidente da comissão.

"Já estaremos contando com a presença do Senador Renan Calheiros, líder da maioria do Senado, do Senador Jean, que é líder da minoria e com o deputado Marcelo Freixo, líder da minoria na Câmara", disse.

Nas redes sociais, Randolfe afirmou que a CPI vai convocar o presidente Bolsonaro para depor e questionou como preferia comparecer.

"Adianto ao Presidente que já estamos prontos para tomar seu depoimento. O Senhor quer estar na condição de testemunha ou investigado, Jair Bolsonaro? Estamos ansiosos!".

Após a fala do presidente sobre a convocação do Conselho, o Palácio do Planalto comunicou aos integrantes que a reunião não seria realizada. Os presidentes da Câmara e do Senado, que integram o grupo, afirmaram que não tinham conhecimento do encontro.

Publicações relacionadas