adblock ativo

Médica é liberada de audiência após pedido de advogado

Publicado sexta-feira, 29 de novembro de 2013 às 08:27 h | Atualizado em 29/11/2013, 10:02 | Autor: Da Redação, com informações de Franco Adailton e Euzeni Daltro
CNH da médica Kátia Vargas Leal Pereira, modificada
CNH da médica Kátia Vargas Leal Pereira, modificada -
adblock ativo

A médica Kátia Vargas foi liberada da primeira audiência do caso da morte dos irmãos Emanuel e Emanuelle Gomes Dias, que ocorre na 1ª Vara do Júri, no bairro de Sussuarana, no início da manhã desta sexta-feira, 29.

O pedido de liberação foi feito pelo advogado de defesa da acusada, Sérgio Habib, que alegou não ter tido tempo hábil para analisar o último laudo divulgado pela polícia na tarde desta quinta, 28. O juiz responsável pela audiência aceitou a solicitação.

O laudo final da perícia do acidente que vitimou os irmãos aponta que o carro de Kátia atingiu a motocicleta pilotada por Emanuel e que tinha Emanuelle como carona.

De acordo com informações do documento do Departamento de Polícia Técnica (DPT), a colisão levou a moto a se chocar com o poste de iluminação.  O documento constata também que o corpo do motociclista se chocou com o carro.

Outro laudo, o das imagens das câmaras de seguranças, divulgado nesta quarta, 27, aponta que o momento do contato entre os veículos não foi registrado, o que tornava as imagens inconclusivas sobre a ocorrência da colisão entre os dois veículos.

O advogado da médica, Habib, no entanto, usava os resultados das perícias das imagens e dos danos na motocicleta na defesa de sua cliente.

Audiência

A médica chegou ao fórum por volta das 6h30 e saiu uma hora depois, escoltada pela polícia, para a penitenciária feminina de Mata Escura, em Salvador, onde está detida.

Ainda nesta manhã, testemunhas de defesa e de acusação serão ouvidas. Familiares da médica e dos irmãos acompanham a audiência no fórum.

Mortes em Ondina

Emanuel e Emanuelle morreram no último dia 11 de outubro, em Ondina, após uma discussão de trânsito com a médica.

Segundo o inquérito da polícia, Kátia seria a responsável pelas mortes, após perseguir e colidir o veículo que dirigia com a moto onde estavam os irmãos.

adblock ativo

Publicações relacionadas