Anestesista preso por estupro está sozinho em cela de 36m²

O médico está em Bangu 8, na mesma cela em que ficou Roberto Jefferson

Publicado quarta-feira, 13 de julho de 2022 às 12:42 h | Atualizado em 13/07/2022, 12:42 | Autor: Da Redação
Quintella foi preso nesta segunda-feira, 11
Quintella foi preso nesta segunda-feira, 11 -

O médico anestesista preso por estuprar uma paciente sedada enquanto ela estava em trabalho de parto, foi transferido na terça-feira, 12, à noite para o presídio Pedrolino Werling de Oliveira, em Bangu 8. Ele está na mesma cela que foi ocupada pelo ex-deputado federal Roberto Jefferson (PTB), aliado do presidente Jair Bolsonaro. 

>> Cremerj suspende de forma provisória anestesista preso por estupro

O anestesista Giovanne Quintella, 31, está sozinho na cela de 36 metros quadrados do presídio conhecido por abrigar presos com ensino superior. Ele não precisou raspar a cabeça, mas teve o cabelo cortado para dar entrada na unidade. As informações são do portal Metrópoles. 

Giovanni foi recebido com hostilidade por outros presidiários. Os homens sacudiram grades, xingaram e vaiaram o médico. Ele permaneceu calado durante todo o seu momento próximo aos policiais penais. 

Ele foi encaminhado para a prisão após a audiência de custódia, que aconteceu nesta terça-feira, e terminou com a juíza Rachel Assad decretando a prisão preventiva, sem tempo determinado. A Polícia Civil investiga pelo menos seis estupros cometidos por Giovanni Quintella.

Publicações relacionadas