adblock ativo

Afetados por chuvas na Bahia e Minas Gerais vão poder sacar FGTS

Caixa informa ainda que há um limite máximo de saque, sendo de R$ 6.220

Publicado sábado, 15 de janeiro de 2022 às 11:47 h | Atualizado em 15/01/2022, 12:06 | Autor: Da Redação
Morador das zonas afetadas vai poder solicitar resgate até 15 de março pelo aplicativo FGTS ou em uma agência Caixa
Morador das zonas afetadas vai poder solicitar resgate até 15 de março pelo aplicativo FGTS ou em uma agência Caixa -
adblock ativo

Os trabalhadores de 15 municípios da Bahia e de Minas Gerais que tiveram as casas afetadas pelas fortes chuvas desde o fim de 2021 vão poder solicitar o saque do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço). A medida, anunciada neste sábado, 14, pela Caixa Econômica Federal, atende a Lei Federal 10.878/200

De acordo com o banco, o morador das zonas afetadas poderá solicitar o resgate até 15 de março pelo aplicativo FGTS ou em uma agência Caixa. O banco informa também que há um limite máximo de saque, sendo de R$ 6.220. No entanto, a Caixa faz 1 ressalvas sobre o saque do benefício: o trabalhador não pode ter realizado saque pelo mesmo motivo nos últimos 12 meses. A Lei a tratar sobre o fundo, assegura o direito ao saque de parcela em caso de “necessidade pessoal, cuja urgência e gravidade decorra de desastre natural".

As fortes chuvas que há semanas atingem Minas Gerais causaram mais 5 mortes ao longo da última 3ª feira, 11, elevando para 24 o total de óbitos registrados no estado desde o início de outubro, quando teve início a atual temporada de chuvas –que, este ano, começou um mês antes que o habitual.

No Estado, são mais de 340 cidades em emergência, com quase 2 mil desalojados. Na Bahia, o número de mortos em decorrência dos temporais chegou a 26, segundo a Sudec (Superintendência de Proteção e Defesa Civil da Bahia). O Estado contabiliza mais de 175 cidades em situação de emergência.

adblock ativo

Publicações relacionadas