adblock ativo

MMX inicia construção de unidade de ferro-gusa em Corumbá

Publicado sexta-feira, 27 de outubro de 2006 às 19:03 h | Atualizado em 27/10/2006, 19:03 | Autor: Agência Reuters
adblock ativo

A produtora de minério de ferro MMX Mineração e Metálicos iniciou a construção de sua primeira unidade de produção de ferro-gusa, apesar de informações de que a companhia atrasaria o projeto, informou nesta sexta-feira o presidente-executivo da MMX, Rodolfo Landim.



"Apesar de a inauguração formal desse projeto ter sido adiada algumas vezes, a construção da planta da MMX em Corumbá agora está em andamento", disse Landim à Reuters por telefone.



Ele afirmou que a MMX planeja iniciar os testes em junho de 2007 e iniciar as operações comerciais no segundo semestre do ano que vem.



No dia 16 de outubro, o porta-voz da MMX disse que a empresa atrasaria a construção do projeto de 400.000 toneladas anuais de ferro-gusa em Mato Grosso do Sul por cerca de dois meses por motivos ambientais.



O atraso estava ligado a problemas no fornecimento de carvão vegetal para as duas fornalhas que estão sendo construídas como parte do projeto de 148 milhões de dólares para produção de aço e ferro-gusa.



"Temos as licenças ambientais para o empreendimento de ferro-gusa", explicou Landim. "Também estamos investindo separadamente em nosso próprio projeto de reflorestamento, que nós dará a auto-suficiência em carvão vegetal em 10 anos."



A MMX já iniciou a produção de minério de ferro em Corumbá em dezembro de 2005 e planeja produzir 4,9 milhões de toneladas por ano, principalmente para exportar toda a capacidade em 2011.



adblock ativo

Publicações relacionadas