Morre aos 59 anos, Tuck Tucker, diretor de desenhos como 'Bob Esponja' e 'Padrinhos Mágicos'

Publicado segunda-feira, 28 de dezembro de 2020 às 17:44 h | Atualizado em 28/12/2020, 18:04 | Autor: Da Redação

O animador, roteirista e diretor, Tuck Tucker, que fez parte do time responsável por desenhos como "A Pequena Sereia", "Bob Esponja", "Hey Arnold" e "Padrinhos Mágicos", morreu no último dia 22, aos 59 anos de idade. A notícia foi confirmada por familiares de Tucker ao Deadline, sem citar a causa da morte.

A família descreveu o animador como um "dedicado pai, marido, filho, irmão e tio". "Sabemos que ele foi amado por todos que o conheceram", disseram.

Tucker começou sua carreira como animador na Disney, onde trabalhou em "A Pequena Sereia" (1989), antes de se destacar na TV, em séries como "Rugrats: Os Anjinhos" (1991), "Ren & Stimpy" (1992-1993) e "Os Simpsons" (1990-1995).

Sua primeira oportunidade como diretor foi em "Hey Arnold", comandando vários episódios da série e também o longa-metragem, lançado em 2002. Na função, também assinou episódios de "A Casa Animada" (2005-2006) e "Padrinhos Mágicos" (2013-2014).

O seu trabalho como animador e roteirista de "Bob Esponja Calça Quadrada", entre 2007 e 2014, também chamou a atenção dos fãs. Tucker venceu um Annie, o Oscar da animação, em 2011, por suas contribuições para a trilha sonora da série.

Publicações relacionadas