Inter de Milão vence Shakhtar e fica perto das oitavas da Champions

Publicado quarta-feira, 24 de novembro de 2021 às 17:55 h | Atualizado em 24/11/2021, 17:58 | Autor: AFP

A Inter de Milão venceu o Shakhtar Donetsk por 2 a 0 e poderá se garantir nas oitavas de final nesta quarta-feira, 24, dependendo do que acontecer no duelo entre o Real Madrid e o Sheriff Tiraspol.

Uma dobradinha do bósnio Edin Dzeko (aos 61 e 67 minutos) deu a vitória à Inter, que pode conquistar sua vaga nas oitavas se o time madrilenho não perder para o Sheriff nesta quarta-feira em Tiraspol.

A Inter é o líder provisório do Grupo D com dez pontos, um a mais que o Real Madrid e quatro a mais que o terceiro colocado Sheriff.

Se a equipe merengue empatar ou vencer o time da Transnístria, Inter e Real Madrid, estarão já classificados e se enfrentariam só para definir quem fica com a liderança do grupo no dia 7 de dezembro, última rodada da fase de grupos do torneio continental.

Os jogadores comandados por Simone Inzaghi entraram em campo no San Siro prontos para vencer, mas encontraram um Shakhtar, lanterna do grupo, muito organizado.

A Inter pressionava muito, forçando o recuo da equipe ucraniana, que buscava suas oportunidades no contra-ataque, apoiada na boa atuação do goleiro Anatolii Trubin.

Uma cabeçada de Dzeko (26) e um chute de longa distância de Perisic (30) fizeram o goleiro ucraniano se esticar. Ele também impediu uma boa chegada de Lautaro Martínez (36).

A Inter teve que esperar até o segundo tempo para balançar as redes.

Após o intervalo, a equipe italiana voltou a pressionar e dominou a partida até que Dzeko pegou um rebote na entrada da área e disparou uma bomba fazendo 1 a 0 (61).

O atacante bósnio reapareceu poucos minutos depois para marcar de cabeça após um bom cruzamento da esquerda de Ivan Perisic (67).

O segundo gol acabou tranquilizando a torcida no Giussepe Meazza, que viu a vaga nas oitavas se aproximar.

Com 2 a 0 no placar, a Inter relaxou a intensidade, permitindo ao Shakhtar entrar mais no jogo e dar alguns sustos como no chute de Dodo na trave (82) sem maiores consequências.

Publicações relacionadas