adblock ativo

Inês Brasil diz que ajuda de Anitta evitou sua volta à prostituição

Publicado às | Atualizado em 12/10/2021, 12:32 | Autor: Da Redação
“Hoje, transo com quem gosto, não mais por dinheiro”, comemora a artista | Foto: Reprodução | @inesbrasiltv | @anitta
“Hoje, transo com quem gosto, não mais por dinheiro”, comemora a artista | Foto: Reprodução | @inesbrasiltv | @anitta -
adblock ativo

A pandemia atingiu grande parte da população e, com isso, muitos perderam trabalhos e passaram por muita dificuldade financeira. Uma dessas pessoas foi Inês Brasil, que revelou sobre o que enfrentou durante a pandemia da Covid-19. A artista contou ao podcast “Só Um Minutinho” que a ajuda que recebeu de Anitta foi imprescindível para que ela não retornasse a prostituição na Europa.

De acordo com entrevista ao programa, que foi ao ar no ultimo dia 6, Inês ressaltou que a ajuda dos amigos foi essencial para que ela conseguisse sobreviver: “Eu estava quase voltando para a Alemanha para a prostituição, você não aguenta, sem show, com pandemia… Mas Deus falou continua fazendo seus vídeos caseiros”.

Segundo o emocionante desabafo, a cantora disse que o assessor entrou em contato com Anitta, com o intuito que ela pudesse gravar um vídeo para me ajudar Inês: “Ela fez dois, um cantando em espanhol. Só que ninguém sabia que eu estava passando dificuldade. Eu não contava porque tem certas coisas que você tem vergonha de falar porque querendo ou não, quando você é famoso, todo mundo pensa que você é rico sem você ser”.

Durante o programa, Inês contou ainda que além de Anitta, outros amigos próximos a ajudou como o Sr. Hugo, um vizinho que ajudou com alimentação e incentivo para que a artista tirasse do papel e tornasse realidade o clipe da música “Não Tem Coronavírus”.

Em outro momento, a artista revelou ao jornal Extra a gratidão que tem por poder contar com a ajuda de amigos e das filhas, citando que a caçula está ajudando com o TikTok, que já bateu 1 milhão de seguidores. Sobre os planos, contou que terá uma conta no OnlyFans e prometeu não parar de cantar.

“Sou muito grata a comunidade LGBTQIAP+, que sempre me abraçou. Graças a eles, saí da prostituição. Hoje, transo com quem gosto, não mais por dinheiro. Não vejo a hora de fazer um festão com meus fãs. O mundo vai ser salvo dessa pandemia, em nome de Jesus”, afirmou a cantora de 51 anos, dona do hit “Make Love”, que tocou no “Big Brother Brasil 21.

Agora, a artista está comemorando “Undererê”, registrou 49.634 reproduções na plataforma no dia 22 de agosto, superando hits como “Make Me”, de Britney Spears, “Bon Appétit” de Katy Perry e “Vai Malandra” de Anitta no número de execuções diária.

adblock ativo

Publicações relacionadas