Após reunião, atividades escolares da RMS continuam de forma remota

Publicado sexta-feira, 09 de outubro de 2020 às 12:39 h | Atualizado em 09/10/2020, 12:41 | Autor: Da Redação

O prefeito Jailton Jajai (PTB), secretários municipais e representantes das pastas de Educação da Região Metropolitana de Salvador (RMS) participaram nesta sexta-feira, 9, de uma reunião na Escola Municipal ACM, em Madre de Deus, discutindo sobre as estratégias para o setor durante a pandemia da Covid-19.

"O Governo do Estado e as prefeituras da RMS têm estabelecido políticas públicas integradas. Temos o fórum de discussão dos secretários de Saúde, por exemplo, e na educação também procuramos essa unidade, respeitando as nuances de cada município e localidades", afirmou o prefeito Jailton Jajai.

Olívia Silveira, secretária municipal de Educação de Pojuca, frisou que "um dos grandes objetivos destes encontros é definir o planejamento de protocolos de saúde, pedagógicos e das adaptações de infraestrutura no que tange ao retorno às aulas".

"Estão na nossa pauta os caminhos possíveis para a regulamentação do ano letivo deste ano. Este é um grande desafio. Estamos caminhando juntos, pois essa pandemia é algo inédito e o retorno às aulas é uma discussão em nível mundial", diz Leila Lima, secretária municipal de Educação de Madre de Deus. Não há definição de data até o momento para o retorno às aulas.

De acordo com Cássio Vinícius, secretário municipal de Educação de Candeias, "as decisões dos órgãos de educação têm como base os boletins epidemiológicos e as orientações das autoridades sanitárias. Aqui discutimos deliberações que estão dando certo em algum município e assim as experiências exitosas podem ser replicadas. Não podemos incorrer no erro de promover o retorno imediato às aulas e depois termos que voltar atrás".

Em Madre de Deus e outras cidades as atividades educacionais têm sido realizadas de forma remota. Uma das preocupações com a pandemia da Covid-19 é a evasão escolar. Entretanto, desde o final de julho esses índices vêm diminuindo em Madre de Deus, com um decréscimo de 16,6 %.

Publicações relacionadas