Neto fala em manter “o que de bom foi feito" em governos do PT

Pré-candidato a governador da Bahia pelo UB disse ainda não ter pressa para definir vice

Publicado quinta-feira, 17 de março de 2022 às 13:04 h | Atualizado em 17/03/2022, 14:42 | Autor: Daniel Brito e Lucas Franco
Ex-prefeito de Salvador elogiou "bagagem" e "experiências" de Leão durante governo petista
Ex-prefeito de Salvador elogiou "bagagem" e "experiências" de Leão durante governo petista -

Durante o anúncio da aliança firmada entre o pré-candidato ao governo da Bahia, ACM Neto (UB), e o vice-governador, e agora pré-candidato ao Senado, João Leão (PP), nesta quinta-feira, 17, o líder do União Brasil afirmou que o pacto com o grupo, recém-saído da base petista, é mais do que eleitoral.

De acordo com ele, a bagagem de Leão servirá também para trazer ideias novas e para mesclar a experiência do pepista durante os governos petistas, com a renovação do quadro de gestão no estado.

“Poucas pessoas conhecem tão bem a Bahia como Leão. Vamos juntos, você no Senado e eu no Governo, não só para ganhar as eleições, mas, para a partir do próximo ano, fazer o melhor governo de todo o Brasil”, declarou ACM Neto.

Neto disse ainda que pretende manter o que ele considera que foi feito de bom nos governos petistas, embora tenha feito críticas à Educação e Segurança. “Em dezesseis anos muita coisa boa foi feita e quero preservar”.

O pré-candidato afirmou ainda que não tem pressa para definir seu vice. “Vários nomes estão sendo examinados, não são apenas dois nomes". João Leão chegou a insinuar que o vice poderia ser do PP e de Camaçari, o que foi atenuado por Neto.

“Temos conversado com vários partidos, poderão ser uns dez nessa aliança. Se alguém tem que ter pressa, é quem está no governo. Eu não tenho pressa”, declarou.

Publicações relacionadas